Últimas Notícias

Derrubada de helicóptero na Síria reacende tensão com Turquia

ad+1

Por France Presse -

Helicóptero militar sírio pega fogo após ser atingido por míssil em Idlib, na Síria, nesta terça-feira (11) —
Foto: Ghaith Alsayed/AP Photo
Milícias rebeldes do norte da Síria abateram um helicóptero militar do regime de Bashar al-Assad nesta terça-feira (11). O governo sírio acusa o grupo armado de ter apoio da Turquia e respondeu à ofensiva com bombardeios na região de Idlib. No ataque, soldados turcos morreram, em um episódio que aumentou a tensão entre os dois países.

O governo de Assad tenta retomar o controle do norte da Síria, enquanto a Turquia tem apoiado a presença dos grupos rebeldes e inclusive mantém soldados na região. Recentemente, as forças pró-Assad reconquistaram o último trecho da rodovia que liga a capital, Damasco, à cidade de Aleppo — uma das mais importantes do país.

Pela manhã, forças apoiadas pela Turquia abateram com um foguete um helicóptero do Exército da Síria perto de Qaminas, cidade a sudeste de Idlib, afirma o Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH). Os dois pilotos morreram. O governo da Turquia chamou o caso de "acidente aéreo", sem reivindicar qualquer responsabilidade.

A agência de imprensa oficial síria, Sana, disse que "o avião foi atingido por um míssil hostil na região de Al Nayrab, no sul de Idlib, o que levou à queda da aeronave e à morte de sua tripulação". Depois disso, forças do regime bombardearam áreas perto de um posto de observação turco na mesma cidade.

0 comentários:

Disponível 24h

Disponível 24h