Últimas Notícias

Ney Suassuna nega acusações e diz que só apresentou Daniel para Ricardo

ad+1

Polêmica Paraíba - 


O Ministério Público da Paraíba afirmou que ficou comprovada a participação do ex-senador Ney Suassuna no esquema desvendado pela Operação Calvário, seja recebendo um espécie de mesada de R$ 40 mil desembolsada por delator ou com pagamentos feitos pela empresa PAPATUDO que somaram R$ 2,4 milhões.
Inscreva-se em nosso canal do Youtube: Clique aqui!
Os promotores afirmam que Suassuna foi o responsável por apresentar  Daniel Gomes, operador do esquema de desvios de recursos públicos investigado na operação, ao ex-governador Ricardo Coutinho.


O ex-senador divulgou um vídeo nesta quinta-feira (16), no qual nega as acusações e diz que apenas apresentou Daniel para Ricardo e destaca que não pode ser responsabilizado pelas ligações ilegais que “esses homens praticaram juntos”


“Disseram que eu recebi dinheiro de uma empresa chamada PAPATUDO que eu nunca ouvi falar, daí tomei providências para saber quem são essas pessoas e tudo será apresentado a justiça no momento certo, agora o processo segue em segredo de justiça, mas assim que for autorizado, eu faço questão de mostrar a todos os paraibanos as provas da minha inocência”, destacou.

Ney Suassuna disse ainda que a delação foi falsa, “denúncia falsa, delação premiada falsa que visa confundir ou ocultar a verdade, calúnia, difamação, tudo isso é crime e no momento certo eu clamarei por justiça”.

0 comentários:

Disponível 24h

Disponível 24h