Últimas Notícias

Cidadãos de oito países proibidos de entrar nos EUA

ad+1

Nuno Garcias (Portugal) -
por TVi 24h -

Donald Trump.
(Lusa/EPA)
Os viajantes de oito países vão enfrentar restrições na entrada nos Estados Unidos, que vão desde uma proibição total até condicionantes mais direcionadas, segundo um decreto assinado domingo pelo presidente Donald Trump.
As novas regras vão ter impacto nos cidadãos do Chade, Irão, Líbia, Coreia do Norte, Somália, Síria, Venezuela e o Iémen e entram em vigor a 18 de outubro.
O Sudão foi retirado da lista de países que constam deste decreto migratório.
Numa publicação no Twitter, Donald Trump afirmou que a prioridade é "manter o país seguro".
Ao contrário da proibição anterior, desta vez a lista de países não inclui apenas nações de maioria muçulmana. A Coreia do Norte e da Venezuela são exemplos disso.
A nova lei de imigração surge depois do decreto anterior, que proibia a entrada nos Estados Unidos de cidadãos de seis países muçulmanos, ter expirado no domingo, 90 dias após a entrada em vigor.
Ao contrário do que acontecia anteriormente, com este novo decreto a maioria das restrições passará por suspender a atribuição de vistos de negócios e turismo e não estarão limitadas no tempo, ou seja, as novas restrições não têm uma data limite para terminar. 

0 comentários:

Disponível 24h

Disponível 24h